Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

aguadouro

Pampilhosa da Serra - Roteiro dum "futrica"

aguadouro

Pampilhosa da Serra - Roteiro dum "futrica"

01.Set.21

POMPEU ALEXANDRE NEVES - POLITICO SINGULAR:

Júlio Cortez Fernandes
No corrente ano, passa  80º aniversário do falecimento, do mais profícuo e realizador presidente da camara municipal do concelho de Pampilhosa da Serra de todos os tempos. Pompeu Alexandre Neves, natural da freguesia e concelho de Pampilhosa, nasceu 12 de Fevereiro de 1875, no seio de conceituada família da  época " os Alexandres ", na gíria popular; posuiam casa na praça principal do burgo. Seu pai segundo parece, seria um dos feitores, da opulenta família Mello. ao (...)
31.Jul.20

SANTA LUZIA; NA SUA CAPELINHA PASSOU TER " COMPANHIA "

Júlio Cortez Fernandes
A capela de Santa Luzia , edificada na inóspida paragem dos penedos da antiga " lapa do Vidual ",para cumprimento de  promessa de nosso conterrâneo, natural de uma aldeia próxima, estaria na origem do nome atribuição a Barragem levantada pela Companhia Eléctrica das Beiras,( C. E.B )no inicio da década 1940. precisamente no Cabril do Vidual, tudo isto, no Concelho de Pampilhosa da Serra. Parece qualidade dos materiais utilizados, na construção do pequeno templo. não (...)
14.Mai.20

O ÚLTIMO CAUDILHO DA MONARQUIA - NA VILA E CONCELHO

Júlio Cortez Fernandes
No dia 16 de Dezembro de 1909, pelas dez horas da noite, faleceu na Vila de Pampilhosa da Serra, o derradeiro chefe político do Partido Regenerador, no Concelho. Após doença persistente, no entanto de modo repentino, António Carlos Nunes, notário, aposentado cerrava para sempre os olhos, no aconchego de sua casa na vila. Havia sido ao longo da vida político influente, e pessoa de  mérito. Com a sua morte a Pampilhosa perdia um dos seus mais acérrimos defensores, desvelado amigo (...)
26.Abr.20

ANO INAUGURAL ERMIDA DE SANTA LUZIA PENEDOS DO VALE GRANDE- VIDUAL

Júlio Cortez Fernandes
Leio aqui acolá, escritos cerca de singela ermida, mandada construir num sitio ermo , perto do dique da barragem que da Santa recebeu nome. Informações desencontradas,  assim decidi , pôr tudo em pratos limpos. O correspondente do Jornal de Arganil, em Lisboa,saudoso patrício Dionísio Mendes na crónica ,publicada naquele periódico em Setembro , de 1933, relata conversa com  pampilhosense. Conta-nos os seguintes factos : Quando  por acaso entrou e sentou-se  numa mesa  na (...)
30.Jan.17

O TRONO E O ALTAR

Júlio Cortez Fernandes
Implantada a República a 5 de Outubro de 1910,durante décadas nos sítios recônditos e isolados do País permaneceu viva simpatia do povo pela monarquia. Assim  foi no concelho de Pampilhosa da Serra.Em 1910 não existiam republicanos conhecidos naquele concelho. Os primeiros administradores do Município vieram de fora, porque os directórios partidários não confiavam em ninguém da terra.Com decorrer do tempo filiaram-se ou manifestaram simpatia pelos partidos republicanos, (...)