Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

aguadouro

Pampilhosa da Serra - Roteiro dum "futrica"

aguadouro

Pampilhosa da Serra - Roteiro dum "futrica"

08.Set.20

VENDAS OU CATRAIAS - MONTANHA DA PAMPILHOSA

Júlio Cortez Fernandes
 Estrada de acesso a Pampilhosa,  antiga Estrada Real nº 52, demorou cem anos para atingir a vila. Esta particularidade,permitiu  ao longo dos tempos , fossem surgindo,locais onde os viajantes, esperavam transporte e  abrigavam  retemperando forças, e prosseguir viagens. As mais conhecidas; a catraia do Pépio, ou da Serra, onde se dirigiam as pessoas vindas, das povoações de Pessegueiro, Carvoeiro e Aldeias; mais adiante servindo de apoio a quem provinha ou se dirigia para (...)
19.Jun.20

MEMÓRIA DE MOINHOS DE VENTO; NA MONTANHA DE PAMPILHOSA DA SERRA

Júlio Cortez Fernandes
Moinhos de rodízio de reminiscências romanas,conheci para aí uma dezena,tocados pela agua de ribeiras e barrocos,  maioria no arrabalde da Vila de Pampilhosa da Serra, ainda lembro dois moinhos desse tipo, no encantado  Vale Covo,onde passei momentos inesquecíveis. Quando iniciei  deambular pelo concelho, deparei alguns mais, sempre movidos a força da água, e por isso,  chegado o Verão ,faltando precioso liquido, vários paravam, resultado da severa estiagem  nestas paragens. (...)
14.Mai.20

O ÚLTIMO CAUDILHO DA MONARQUIA - NA VILA E CONCELHO

Júlio Cortez Fernandes
No dia 16 de Dezembro de 1909, pelas dez horas da noite, faleceu na Vila de Pampilhosa da Serra, o derradeiro chefe político do Partido Regenerador, no Concelho. Após doença persistente, no entanto de modo repentino, António Carlos Nunes, notário, aposentado cerrava para sempre os olhos, no aconchego de sua casa na vila. Havia sido ao longo da vida político influente, e pessoa de  mérito. Com a sua morte a Pampilhosa perdia um dos seus mais acérrimos defensores, desvelado amigo (...)