Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

aguadouro

Pampilhosa da Serra - Roteiro dum "futrica"

aguadouro

Pampilhosa da Serra - Roteiro dum "futrica"

29.Mai.20

EVOCANDO DR. LUIS TOMAS BARATEIRO; ANIVERSARIO DO FALECIMENTO

Júlio Cortez Fernandes

Sábado 25 Maio de 1974, para o cemitério da Conchada, realizou-se funeral de um homem insigne, solidário, paladino  das liberdades democráticas, republicano e maçon;  acima de tudo  devotado, competente, e abenegado médico;durante décadas percorreu as montanhas da Pampilhosa,para tratar doenças, auxiliar gente aflita, nunca regateando a presença e apoio fosse a que horas fosse.

Faleceu em Coimbra, onde residia,procurando alivio para a prolongada doença que o havia de vitimar.

Por convicção de ideais democráticos e  lema de Liberdade , Igualdade e Fraternidade, seria arbitrariamente detido, prisioneiro da policia política do regime Salazarista, do qual foi sempre acérrimo opositor. Esteve recluso na cidade do Porto, cadeia da PVDE ( Policia Vigilância e Defesa do Estado), antecessora da PIDE, durante alguns meses, sem culpa formada nem julgamento.

No interrogatório, dos investigadores da PVDE,deu prova de dignidade e muita coragem apesar das provocações; veja exemplo ; perguntarem alcunha, sabendo  era médico.

abararuis.jpg

Nunca delatou nomes, defendeu-se sem,comprometer , ninguém. Não conheci pessoalmente,  era médico "avençado" da minha família de Vale Covo, nosso avô materno Augusto Cortez, correligionário Dr. Barateiro,  também, nunca, renegou ideal da República democrática e parlamentar.

Luis Tomás Barateiro conjunto com Porfirio Carneiro,Anselmo Santos Ferreira,  fundaram  Triângulo maçónico de Pampilhosa da Serra, no dia 21 de Fevereiro de 1933.  afirmando perante o instalador do triângulo : "Apesar de terem consciência , que a acção da maçonaria seria restringida pela reacção do meio ambiente local, fanatizado e atrasado,nuca desistiriam de pugnar pela liberdade e livre pensamento ,fazendo tudo quanto puderem, para bem cumprir o compromisso assumido". 

Personagem ímpar, Dr. Luís Barateiro, natural de Janeiro de Baixo, uma freguesia do Município de Pampilhosa da Serra; viveu até idade 76 anos,gozando de justo prestigio pelos relevantes serviços que prestou ao povo do concelho. Evocando a sua memória contribuo para não caia no esquecimento: homens da sua tempera. ascendem a imortalidade.Merece, respeito de todos.

abarateiro.jpg

 

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.